Chorar quando um iníquo está sendo punido por Jeová?


(Ezequiel 33:11) 11 Dize-lhes: ‘“Assim como vivo”, é a pronunciação do Soberano Senhor Jeová, “não me agrado na morte do iníquo, mas em que o iníquo recue do seu caminho e realmente continue vivendo. Recuai, recuai dos vossos maus caminhos, pois, por que devíeis morrer, ó casa de Israel?”’

O quanto, Jeová não se agrada da morte do iníquo? Em relação ao iníquo Efraim, Ele próprio responde através de seu porta-voz humano em Oséias 11:8: 8 “Como posso dar-te, ó Efraim? [Como] posso entregar-te, ó Israel? Como posso pôr-te como Admá? [Como] posso colocar-te como Zeboim? Meu coração se transformou dentro de mim; ao mesmo tempo inflamaram-se as minhas compaixões.
Ainda em relação ao iníquo Efraim, continua o próprio Criador Jeová a dizer através de um porta-voz humano em Jeremias 31:20
20 “É Efraim para mim um filho precioso ou um menino tratado com mimo? Pois, ao ponto de eu falar contra ele, sem falta me lembrarei dele ainda mais. Por isso é que as minhas entranhas ficaram turbulentas por ele. Decididamente terei piedade dele”, é a pronunciação de Jeová.
Ainda em relação a Efraim, assim disse Jeová, nosso Pai:
14 ”Da mão do Seol os remirei; da morte os recuperarei”. Onde estão os teus aguilhões, ó Morte? Onde está a tua qualidade destrutiva, ó Seol? A própria compaixão ficará escondida dos meus olhos.

Assim como um pai humano que ama profundamente seu filho e exatamente por isso não o trata com mimo, sente piedade do filho quando aplica neste uma forte disciplina e o vê sofrendo grandemente por tal disciplina, do mesmo modo, o Amoroso Criador e Pai de todos os humanos, afirma também possuir esses mesmos sentimentos.
Entretanto, sabiamente ciente do resultado final, como Pai amoroso que é, faz o que for necessário para que o filho ao final aprenda a sua lição e se torne sábio. Por amor ao seu filho, Ele se apega firmemente ao seu objetivo, mesmo que seu filho exatamente por estar no estado ignorante, se recuse a enxergar e a recuar. Ciente do estado ignorante do filho, amorosamente, Ele não leva em conta as péssimas e ignorantes escolhas feitas pelo filho, permitindo que este sofra o resultado final da ignorante escolha. Ao ver e entender do que o Pai o estava protegendo, o filho retorna ao Pai. Este retorna, exclusivamente por que o Pai amorosamente lhe deixou aberta a porta, este é o sábio objetivo do Pai.
Agora, que sentimento teria o Santo Criador ao punir o iníquo e “inimigo” Moabe, inimigo do povo Israelita que é a menina dos olhos? Que o próprio Sábio Criador Jeová fale, através de um porta-voz humano em Isaias 15:5, :
5 Meu próprio coração clama por causa de Moabe. Seus fugitivos já chegaram até Zoar [e] Eglate-Selisaia. Pois na subida de Luíte — [cada] um sobe por ela com choro; pois no caminho para Horonaim levantam o clamor sobre a catástrofe. Isaias 16:6-11: 6 Ouvimos [falar] do orgulho de Moabe, que ele é muito orgulhoso; sua altivez, e seu orgulho, e sua fúria — seu palavreado oco não será assim. 7 Por isso, Moabe uivará por Moabe; sim, todo ele uivará. Pois, os golpeados deveras carpirão os bolos de passas de Quir-Haresete, 8 porque murcharam os próprios socalcos de Hésbon. A videira de Sibma — os próprios donos das nações abateram seus [sarmentos] encarnados. Estenderam-se até Jázer; andaram vagueando pelo ermo. Seus próprios rebentos tinham sido deixados para vegetar sozinhos; tinham passado para o mar.
9
Por isso é que chorarei com o choro de Jázer pela vide de Sibma. Com as minhas lágrimas te encharcarei, ó Hésbon, e Eleale, porque decaiu até mesmo a exclamação por teu verão e por tua colheita. 10 E tiraram-se do pomar a alegria e o júbilo; e nos vinhedos não há gritos de júbilo, não se brada. O pisador não pisa nenhum vinho no lagar. Eu fiz cessar a exclamação.
11
Por isso é que as minhas próprias entranhas estão turbulentas qual harpa mesmo por Moabe, e o meu íntimo, por Quir-Haresete.

Meu próprio coração clama por causa de Moabe”? "Com as minhas lágrimas te encharcarei"? “Minhas próprias entranhas estão turbulentas qual harpa mesmo por Moabe”?

Através de Jeremias, repete o Criador que teria os mesmos sentimentos ao punir Moabe. Assim falou o Criador através deste porta-voz: (Jeremias 48:29-36) 29 “Ouvimos [falar] do orgulho de Moabe — ele é muito altivo — de sua soberba, e de seu orgulho, e de sua altivez, e do enaltecimento do seu coração.” 30 “‘Eu mesmo conhecia a sua fúria’, é a pronunciação de Jeová, ‘e não ficará assim; seu palavreado oco — realmente não [o] farão exatamente assim. 31 Por isso é que uivarei sobre Moabe e clamarei por todo o Moabe. Gemer-se-á pelos homens de Quir-Heres. 32 “‘Com mais choro do que o por Jázer chorarei por ti, ó videira de Sibma. Teus próprios brotos florescentes cruzaram o mar. Estenderam-se até o mar — [até] Jázer. O próprio assolador caiu sobre os teus frutos de verão e sobre a tua vindima. 33 E a alegria e o júbilo foram tirados do pomar e da terra de Moabe. E dos lagares fiz cessar o próprio vinho. Ninguém fará a pisa com exclamação. A exclamação não será exclamação.’”
34 “‘Desde o clamor em Hésbon até Eleale, até Jaaz, deram vazão à sua voz, desde Zoar até Horonaim, até Eglate-Selisaia; porque até mesmo as próprias águas de Ninrim tornar-se-ão meras desolações. 35 E eu vou fazer cessar em Moabe’, é a pronunciação de Jeová, ‘aquele que leva uma oferta para cima ao alto e aquele que faz fumaça sacrificial ao seu deus. 36 Por isso é que o
meu próprio coração ficará turbulento pelo próprio Moabe, igual a flautas; e meu próprio coração ficará turbulento pelos homens de Quir-Heres, igual a flautas. Por isso é que certamente perecerá a própria abundância que ele produziu.

Todo este sentimento por um povo iníquo e que agiu como inimigo dos Israelitas? Não eram tidos como os inimigos de Jeová, aqueles que o Criador odiava por seu jeito pecaminoso de viver? Como se sentiram os Israelitas ao ouvirem tais revelações dos sentimentos do Criador em relação a estes seus inimigos?
Entretanto, este é o sentimento que se esperaria de um Criador e Pai imparcial. O mesmo peso e a mesma medida para todos os seus iníquos filhos imperfeitos.

O iníquo pai humano, quando ama, chora por seu iníquo filho, quando este está sendo punido.

Topo desta página